Menu ×

Notícias / Inovação

NASA e Mackenzie desenvolvem projeto conjunto de observação espacial

Pesquisa auxilia prevenção de desastres e rede GPS e tem parceria com AEB e INPE

Redação - 3/10/2018 - 11:22:11

Crédito: Banco de Imagens
O Centro de Rádio Astronomia e Astrofísica Mackenzie (CRAAM) está realizando projeto em parceria com a NASA (Administração Nacional da Aeronáutica e Espaço, na tradução da sigla em inglês), a Agência Espacial Brasileira (AEB) e outras entidades do setor para desenvolver uma pesquisa em Geodésia Espacial, fundamental para ferramentas de geolocalização e monitoramento no dia a dia.
O estudo com ênfase na técnica Very Long Baseline Interferometry (VLBI), algo como Interferometria de Linha de Base Muito Longa, consiste na utilização da técnica VLBI para estudos geofísicos e de prevenção de desastres, já que pequenos desvios do eixo de rotação da Terra são detectados, permitindo a análise dessa relação com a atividade sísmica direta ou de suas consequências, como no caso de tsunamis. As atividades são coordenadas pelo CRAAM, Escola de Engenharia da Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM), em colaboração com o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE).
 
De acordo com o responsável pelo projeto e coordenador do CRAAM, Jean-Pierre Raulin, a VLBI permite também detectar variações de alguns milésimos de segundos na duração total do dia, possibilitando o estudo do impacto de distúrbios geofísicos e da atividade cíclica do Sol. Os dados são obtidos no Rádio Observatório Espacial do Nordeste (ROEN), localizado em Eusébio/Fortaleza (CE), e são integrados e correlacionados com os de outros observatórios ao redor do planeta, contribuindo para a calibração da rede GPS (Global Positioning System) que é amplamente utilizada no dia a dia para localização e posicionamento de objetos em terra e no espaço, como automóveis, movimentação de barragens, aviões, etc.
 
O especialista explica que a NASA providenciou, por meio de um empréstimo, o sistema VLBI completo de observações geodésicas e o instalou nas dependências do ROEN do INPE. O Mackenzie opera este sistema que faz parte de uma rede mundial de rede VLBI de receptores similares. Então estamos envolvidos diretamente com a parte técnica. "Prestamos serviços para a rede mundial de pesquisas científicas, utilizando os produtos para apoiar estudos astronômicos e geodésicos, obtendo resultados importantes. Um avanço significativo recente foi a firme intenção dos parceiros em continuar a colaboração, renovando o projeto até 2019 e fortalecendo o preparo e formação das equipes em níveis de graduação e pós-graduação, através de estágios técnicos de treinamento na sede da NASA", afirma Raulin.
 
O pesquisador ressalta a importância do projeto, "apesar de ser conhecida há mais de 60 anos, a utilização da técnica VLBI para estudos geofísicos ou de prevenção de desastres é inovadora e isso se deve à precisão extrema dos dados. Fora que os dados obtidos no ROEN são integrados e correlacionados com os de outros observatórios ao redor do planeta e contribuem imensamente para a calibração da rede GPS".
 
Raulin explica ainda que os dados coletados são explorados posteriormente, sendo enviados a centros internacionais nos quais as propriedades das ondas detectadas pelas antenas da rede mundial são transformados em produtos geodésicos.



Faça seu Download

Nesta área você encontra o nosso diretório de parceiros de negócios com relatórios, pesquisas, vídeos e estudos de caso para que você possa alcançá-los para obter informações adicionais sobre os produtos e serviços que ajude a você na tomada de decisão.

Para receber o download, por favor, preencha apenas na primeira vez os seus dados e qualificação e receba imediatamente o material para leitura.

Listar todos os arquivos