Menu ×

Notícias / Negócios

Black Friday, a grande aderência da data pelo e-consumidor

97% pretendem comprar para uso próprio e, destes, 22% também querem adquirir para dar presentes

Redação - 9/11/2018 - 13:13:34

Crédito: Banco de imagens
A Black Friday é uma data na qual as pessoas usam para se presentear, segundo o www.blackfriday.com.br, idealizador do evento no Brasil. Pesquisa realizada pelo site aponta que a grande maioria dos consumidores, 97% deles, usa o evento para realizar compras para uso próprio, sendo que destes, 47% pretendem gastar mais de R$ 1.000,00 e 23% acima de R$ 500,00. E, além de comprar para si, 22% dos internautas pretendem também adquirir presentes para terceiros, sendo que 45% têm intenção de desembolsar menos de R$ 200,00, e 22% até 500,00.
 
"A data já se consolidou como uma data do "Eu mereço", com um ticket médio de mais de 30% acima de um dia normal, principalmente, pela compra de produtos mais caros, como smartphones, SmartTV's e Eletrodomésticos, os campeões de vendas no Black Friday - que são produtos que o consumidor pode esperar um pouco para comprar e aproveitar os descontos na data" comenta Ricardo Bove, diretor da Black Friday. 
 
Na pesquisa, 76% já haviam feito alguma compra no evento, mais de 80% consumidores realizaram as compras da Black Friday em 2017 pela internet, sendo que 61% deles usaram um computador, 28% fizeram por smartphone ou tablet e 11% usando mais de um dispositivo - dados que corroboram com o perfil majoritariamente online da data no Brasil. O principal método de pagamento escolhido é o cartão de crédito, preferido por 78% dos pesquisados, 13% costumam utilizar o boleto bancário, 5% o débito e 4% de outros. 67% dos consumidores parcelaram as compras. E, o "preço" é um dos fatores mais importantes para 90% dos respondentes, seguido por "confiança na loja" com 59% e "custo de frete" com 38%.
 
"A grande aderência da data pelo e-consumidor, reforça o conceito de quando lançamos o evento em 2010 pela internet, mas vemos cada vez mais a participação do varejo tradicional, principalmente, aqueles que têm canais omnichannel, já que 25% dos que compram online usam facilidades, como por exemplo: adquire o produto pela internet e retira na loja física" acrescenta o executivo.
 
Na edição de 2017 da Black Friday, a maioria comprou com planejamento, mas, 48% dos consumidores afirmam terem comprado por impulso, dentre essas compras, sendo smartphone o item adquirido por 35% dos pesquisados, seguido de eletrodomésticos por 28% e moda com 20%.
 
"A data já consolidada traz mais segurança para o consumidor: ele planeja e estabelece prioridades dentro do seu orçamento, mas não perde uma oportunidade já que está sempre de olho nos preços" comenta Bove.
 
Ainda na edição do ano anterior, a pesquisa ressalta que mais de 87% tiveram experiência de compra Boa e Ótima, mais de 97% pretendem comprar em 2018 e acima de 94% indicariam o evento para amigos e parentes.
 
Perfil do Consumidor
 
Seguindo as características dos e-shoppers, dentre dos pesquisados 53% são mulheres e 47% homens. Um fato interessante é que 40% têm idade entre 45 e 64 anos, seguidos por 26% de 35 a 44 anos e 18% de 25 a 34 anos. "O movimento que percebemos é que as pessoas com mais idade (70% com 35 anos ou mais) têm capacidade financeira para realizar compras com tickets mais elevados, característica desta data, já consolidada como a mais importante do comércio eletrônico" comenta Bove.
 
O estudo foi realizado com 1.137 internautas, cadastrados ou que acessaram o site em outubro de 2018.
 
Pré-Black Friday
 
"A Black Friday já começou" brinca o executivo. Isto significa que no mês que antecede o evento é necessário que o consumidor se prepare. "Além de fazer as tradicionais pesquisas, o internauta precisa tomar atitudes simples, mas que podem ser essenciais para um bom aproveitamento no dia" acrescente Bove. As principais dicas são:
 
  • Pesquise e anote todos os preços do que você pretende comprar na Black Friday. Pode acontecer de aparecerem ofertas de oportunidade fora da data do evento e você não vai querer perder.

 

  • Atualize ou crie cadastro nos principais varejistas, seja no site ou aplicativo. Não se esqueça de confirmar se o endereço de entrega está correto;

 

  • Assegure que sua internet está funcionando bem, tanto no computador, quanto em dispositivos (smartphone ou tablet). Não seria legal ela travar no meio da compra.
 

Faça seu Download

Nesta área você encontra o nosso diretório de parceiros de negócios com relatórios, pesquisas, vídeos e estudos de caso para que você possa alcançá-los para obter informações adicionais sobre os produtos e serviços que ajude a você na tomada de decisão.

Para receber o download, por favor, preencha apenas na primeira vez os seus dados e qualificação e receba imediatamente o material para leitura.

Listar todos os arquivos